Home Page

O ano é de 671 CY. O mundo está na escuridão. Há cerca de 10 anos os Deuses começaram a se retirar da vida do povo de Flanaess. Lentamente, porém, inexoravelmente, cada vez menos pedidos foram atendidos, menos intervenções vistas. Menos pessoas conseguiam acessar à magia divina, e clérigos começaram a ter dificuldades em lançar suas magias.

No centro de Flanaess, as forças do Império de Iuz se movimentam anormalmente, aumentando a quantidade de ataques as regiões próximas e caravanas que passam. Os bandidos de Hallorn e Riftcrag tem cada vez mais se tornado um problema para os nômades, mercadores e aventureiros nas estradas que passam por suas terras. O que antes já era uma jornada tensa, se tornou a certeza de pelo menos alguns combates.
Ao sul, o Reino de Furyondy sofre com as perversas influências de Iuz, tendo que se defender contra Orcs e Goblins que continuamente saqueiam as vilas ao norte do território, deixando os Senhores Feudais dessas regiões tensos.

A cidade livre de Greyhawk e as terras as sudoeste, apesar de ainda livres de ataques diretos, tem sentido as perdas na redução do fluxo de mercadores e comunicação com as outras áreas do continente.

A única certeza que se tem é: ao redor dos reinos, os mortos se levantam de seus túmulos sem aviso, e os vivos dormem aterrorizados de encontrar seus antepassados batendo às portas. Não são poucos os que dizem que Nerull finalmente está fazendo sua tentativa de dominar o mundo dos vivos. Há quem diga que é só mais um efeito do declínio dos Deuses, e que Wee Jas já não mais faz as travessias de todas as almas.

De uma forma ou de outra, por toda Flanaess, um clima sombrio e soturno tornou as pessoas desconfiadas pouco hospitaleiras.

Home Page

Twilight of the Gods fernandohscavalcante